Bengal´arte” – Rir é o melhor!!!… na Santa Casa da Misericórdia

 

Foi este o mote da 8.ª edição do encontro de teatro sénior “Bengal´arte”, promovido e realizado na Santa Casa da Misericórdia do Concelho de Oliveira do Bairro, no passado dia 24 de novembro.

A abrir o espetáculo, com muita alegria e diversão Miguel Estima empolgou a assistência, adivinhando o que se seguia…muitos sorrisos, gargalhadas e boa disposição ao longo das três peças de teatro em palco. Seguiu-se um momento musical proporcionado pelo Sr. Fernando e o Sr. Rocha (convidados pela AMPER) que com muita animação tocaram e cantaram musicas por todos conhecidas, que foram acompanhadas pela assistência. A fadista Mónica de Jesus abrilhantou esta festa com a sua atuação, proporcionando um momento de fado muito bonito e intimista e que apelou à participação de todos. Por último a prata da casa, com a atuação das colaboradoras Fernanda Carmo e Adriana Lourenço (ao saxofone) que selaram a animação desta edição com um momento musical de muita qualidade.

Mais uma vez, esta atividade só foi possível graças à exemplar participação dos séniores das diferentes Instituições do concelho de Oliveira do Bairro (AMPER, ABC Bustos, Centro Social e Paroquial S. Pedro da Palhaça, Centro Social de Oiã, Santa Casa da Misericórdia do Concelho de Oliveira do Bairro, Sóbustos e SOLSIL) e de duas instituições do concelho de Aveiro (Centro de Formação e Cultura da Costa do Valado e Centro Social e Paroquial S. Pedro de Nariz).

No final o Sr. Provedor agradeceu a todas as instituições presentes afirmando que estes momentos de convívio e de trabalho conjunto são muito positivos e importantes. Agradeceu igualmente ao Sr. Presidente da Câmara Municipal, Dr. Duarte Novo, pela sua presença, motivadora para todos os que trabalham nas organizações sociais. Seguidamente o Sr. Presidente da Câmara Municipal, Dr. Duarte Novo, enalteceu o trabalho que as IPSS’s do concelho realizam nas diferentes respostas sociais que desenvolvem e valorizou as atividades que realizam em parceria.

“Um dia diferente…” uma das frases mais repetidas pelos presentes, que com carinho o fizeram sentir junto dos técnicos que acompanharam e ajudaram esta sessão de teatro.

Um momento excecional onde os idosos mostraram, mais uma vez, que independentemente da idade e das limitações têm muito para dar e um sentido de humor que conseguem transmitir pelas artes.

Revigorante e motivador para novas edições, afinal, rir, pode ser mesmo o melhor dos remédios…!!

Um Bem-Haja a todos pelo dia bem passado